Way Beer – Eat Me!

E aí cervejeiro(a)! Como anda a vida?

Vamos fazer uma revelação: Sim, as vezes compramos algumas cervejas pelo rótulo ou pela cervejaria. É feio mentir!

A nossa convidada de hoje é um exemplo recente: Somos fans da Way Beer e obviamente de seus rórulos, por isso da Eat Me nos pareceu diferente e propíciapra ser não apenas uma boa cerveja, mas também parte da nossa decoração.

Quando lemos que a cerveja foi criada em parceria com a Manu Buffara (chef curitibana bem famosinha e tals) achamos que não tinha como dar errado, but…

Erramos.
Erramos feio.
Erramos Rude.

Chega aí que a gente te conta o motivo disso tudo!

 Way Beer

Way Beer | Site Oficial

Way Beer | Site Oficial

Sempre temos alguma Way em casa. Sempre. São beras acessíveis e muito, mas muito boas mesmo. O padrão de qualidade dos caras é realmente muito bom. Por essas e outras dá até uma dor no coração em escrever esse post, mas é inevitável..

Dica: Se você é de Curitiba ou está de passagem por aqui, aproveite para agendar uma visita à fabrica (feita sempre aos sábados) ou ao menos pra dar um pulo lá e comprar suas beras direto da fonte.

EAT ME

Way Beer - Eat Me (2)

Eat Me / CWBeerfood

Bom, a Eat Me é uma saison com graduação de 4,6%, lançada no segundo semestre de 2014 e, segundo a descrição é uma cerveja “leve, aromática e cheia de personalidade, com toques de coentro e laranja”, mas a história não é bem assim.

O primeiro susto se deu logo na hora de abrir a garrafa. O aroma – que subiu instantaneamente – era totalmente de….milho! Manja aquele cheirão de Skoll que você sente no ambiente de fim de festa? O próprio. No começo pensamos que poderia ser mal armazenamento, mas logo descartamos essa possibilidade, já que compramos em uma das melhores lojas de cerveja da cidade e que preza realmente por esse quesito. Nós também mantemos ela na temperatura aconselhável e em posição vertical, então não tinha erro. Foi bem frustrante…

O segundo susto veio no paladar: Cadê o coentro? Cadê a laranja? Sério…chega a ser confuso. Não conseguimos distinguir absolutamente nada ali no meio. Era um leve amargor que hora puxava pra um sabor mais cítrico, hora pra algo mais aguado, mas que não saía desse vai-e-vem.

Eat Me / www.waybeer.com.br

Eat Me / www.waybeer.com.br

Se algo salvou nisso tudo? Só a garrafa! A arte é realmente muito bonita e cheia de engraçadisse, mas obviamente não vale nossos R$12 contos de réis investidos.

O que ficou no fim disso foi uma cerveja sem personalidade, que criou uma baita expectativa mas que não conseguiu sustenta-la. Particularmente não compraríamos novamente, mas recomendamos que você prove pra tirar uma melhor conclusão, até porque, paladar é bem pessoal.

Saúde!

André

André

Fundador em cwbeerfood
André

Últimos posts por André (exibir todos)

One thought on “Way Beer – Eat Me!

  1. […] Way Beer Eat Me – A gente não esconde de ninguém que adoramos a Way Beer, mas essa parceria com a Manu Buffara não ficou boa. A Eat Me foi triste! Falamos dela aqui. […]

Deixe uma resposta