La Trappe – Tripel: Que bela trapista!

Seja bem vindo(a)!

Como vai você?

Voltamos ao mundo trapista e para nos acompanhar a gente trouxe a La Trappe Tripel. Se você não conhece um pouco da história das cervejas trapistas, clique aqui e aqui para você se ligar. Depois puxe sua cadeira pra mais perto e vem saber mais dessa belezinha com a gente.

La Trappe - Tripel - Olhe para este creme!

La Trappe – Tripel – Olhe para este creme!

 

A Tripel é uma cerveja de coloração âmbar, corpo aveludado e uma formação de espuma sensacional. Procurei usar uma taça com maior corpo (apesar da boca ser mais fechada). Não acredito que isso tenha tanta influência no sabor e aroma da cerveja, que apresenta  8% ABV e 25 IBU´s.

 

La Trappe - Tripel

La Trappe – Tripel

 

Destaque para a espuma: média a grande com boa formação, creme denso e duradouro. Um excelente equilíbrio entre o malte e o lúpulo sendo que, particularmente, nenhum dos dois se sobressai. Frutas cristalizadas no inicio do gole e algo como frutas maduras, como uva, um pouco mais à frente. De repente o álcool dá as caras e se insere de forma muito inteligente, ou seja, ele não mata a cerveja no paladar. Bem carbonatada…
O final é meio amargo e meio doce. Ou seja: Ela é realmente sensacional!

 

Coisas importantes sobre essa cerveja: Acho que com a taça da La Trappe, a apresentação ficaria sensacional e cuidado com a temperatura. Sim, ela influencia!
Conforme fui experimentando e anotando, houve uma mudança nos aromas a medida em que a temperatura foi subindo. Mas ela é tão sensacional que foi ficando cada vez melhor!

Aparência: 4/5
Aroma: 8/10
Sabor: 8/10
Paladar: 4/5
Conjunto: 16/20
Geral: 4/5

Adquirimos ela no Armazém da Serra (Mercado Municipal), em Curitiba\PR.
Custou R$ 19,00.

La Trappe

La Trappe

La Trappe

A La Trappe é uma cerveja holandesa, produzida no mosteiro Onze Lieve Vrouw van Koningshoeven, em Berkel-Enschot, na Holanda. Como todo mosteiro trapista, a venda das cervejas é para financiamento de projetos sociais e/ou manutenção do próprio mosteiro. A água usada é de um aquífero e todas as cervejas (com exceção da Blond) passam por processo de refermentação na garrafa.  

Saúde!

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.