Ambev adquire a Colorado

Olá caros leitores!

No dia 07 de julho, recebemos a noticia oficial de que a Ambev (gigante do mercado cervejeiro) adquiriu por completo a Cervejaria Colorado, natural de Ribeirão Preto/SP.

Situando: A Cervejaria Colorado é uma das pioneiras no mercado de cervejas artesanais no Brasil. Foi fundada por Marcelo Rocha Carneiro em 1996 e sempre seguiu o principio de misturar sabores brasileiros em suas receitas. Em seus produtos encontramos café, rapadura, mandioca mel e castanha do Pará. Outro ponto importante é a utilização das águas do aquífero Guarany, dando outra característica aos sabores das cervejas e chopes do urso.

Após ler diversas opiniões e alguns artigos de consultorias internacionais, queremos dar nosso singelo parecer sobre esta compra. Não somos especialistas, mas além de apreciadores, somos formadores de opinião.

A Ab Inbev passou a adotar uma estratégia em 2013/2014/2015 de entrar com força no mercado de cervejas artesanais (craftbeer), principalmente nos EUA e na Europa. Fez diversas aquisições, entre elas a Leffe, 10 Barrel Brewing, Goose Islandy, e no Brasil, através da sua subsidiaria Ambev fez uma aliança importante com a mineira Wäls. O que isso significa? Tenha a mais absoluta certeza de que a Ambev não se sentiu ameaçada com o crescimento do mercado de cervejas artesanais no Brasil e digo mais, ela quer isso. Segundo a consultora Euromonitor, o mercado de Craftbeers nos Estados Unidos representa 12% do total consumido anualmente e esse índice no Brasil chega a 1%.

Essas aquisições representam varias coisas e algumas delas são:

  • Canais de Distribuição: Os gigantes do mercado cervejeiro têm bases no mundo inteiro, ou seja, a possibilidade de que as nossas artesanais possam ser consumidas no mundo inteiro, é muito grande. Se hoje no Brasil temos dificuldade de encontrar algumas cervejas de outros estados, imagina outros países encontrarem nossas cervejas?
  • Injeção de Capital: No processo de compra, ocorre a injeção de capital (dinheiro). Ou seja, novos investimentos em maquinário, ampliação do parque fabril, estratégias de marketing, entre outros.
  • Ampliação da produção: Com a injeção de capital, ocorre a aquisição de materiais em larga escala, maquinário de maior capacidade e por consequência a produção cresce. E isso não é bom? Obvio que é!

Acreditamos e confiamos na decisão do Marcelo de que a Cervejaria Colorado se manterá integra, e que haverá alteração nas receitas do urso e o mais importante: novas receitas estão a caminho.

O que você acha disso? Deixe nos comentários sua opinião!